No início do mês, o governador da Califórnia, Gavin Newsom, sancionou uma lei para facilitar que os clientes levem suas próprias xícaras ou recipientes reutilizáveis para os restaurantes, de modo a diminuir o uso de embalagens e utensílios descartáveis.

Isso aconteceu porque muitos restaurantes, apesar de quererem ajudar nessa causa ambiental, estavam preocupados com os assuntos que diziam respeito a segurança alimentar.

“Alguns restaurantes estavam fazendo isso, mas a maioria não fez por causa dessas preocupações sobre a contaminação cruzada. Agora, um restaurante não precisa aceitar esses contêineres, mas, se quiser, não há responsabilidade da parte do restaurante em limpá-los e higienizá-los”, explicou o vice-presidente sênior de assuntos governamentais e políticas públicas da Associação de Restaurantes da Califórnia ao Nation’s Restaurant News.

Dessa forma, o estado permite que os restaurantes encham os potes e utensílios dos clientes desde que sejam isolados da superfície de serviço ou que a superfície seja higienizada após encher. Outra medida da lei é para a redução de itens de uso único, como talheres, copos e guardanapos, em instalações alimentares temporárias, geralmente encontradas em festivais de música ou feiras.