bhA Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, lançou, na manhã desta terça-feira (16), a candidatura ao título de Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco de 2019. Um dos objetivos é estreitar a relação entre culinária e turismo, valorizando produtos e produções locais.

Até junho do ano que vem, quando o edital de inscrição será aberto, a PBH irá elaborar um dossiê com informações sobre a culinária mineira.

“Precisamos mostrar e apresentar tudo que já temos, a infinidade de festivais, assim como demonstrar a força da cachaça, do queijo. Temos muita história e a candidatura é o reconhecimento da riqueza da nossa gastronomia”, explica o presidente da Belotur, Aluizer Malab.

Para o chefe de cozinha Leo Paixão, que é o embaixador da campanha, será preciso união de toda a cadeia produtiva para a conquista do título. Para ele, BH é o centro gastronômico do Estado e a conquista será importante para fomentar e desenvolver o setor. “Não teremos um único carro chefe, porque não é mais só o prato clássico que define o lugar, mas também a criatividade dos chefes locais, a cozinha contemporânea”, afirma.

Apoio

As ações do Programa Municipal de Turismo Gastronômico serão elaboradas pela Belotur em parceria com a Comissão de Gastronomia do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) e pela Frente da Gastronomia Mineira. Além disso, o Ministério da Cultura irá prestar consultoria à capital mineira durante o processo.

Para ser selecionado, o município passará por uma avaliação na Unesco. A proposta deve incluir, de forma clara e prática, o compromisso da cidade e apresentar um plano de ação que inclua detalhadamente os projetos, iniciativas e políticas que serão executadas nos quatro anos seguintes. O resultado sai em outubro de 2019.

Rede

Atualmente a rede conta com 180 cidades de 72 países. No Brasil são oito representantes em cinco categorias: Curitiba (PR) e Brasília (DF), no design; Paraty (RJ), Belém (PA) e Florianópolis (SC), na gastronomia; João Pessoa (PB), no artesanato & artes folclóricas; Salvador (BA), na música; e Santos (SP), no cinema.