Exagerou da comilança de fim de ano? Então que tal aprender a fazer  chás para servir após a ceia natalina? A partir dos benefícios de algumas ervas, você vai recuperar o seu bem-estar, além de acelerar o processo digestivo.

Como já deu para perceber, a má digestão é um dos problemas mais recorrentes em casos dessa natureza. Porém, é bom destacar que esse problema pode ser causado devido à falta de cuidado com a alimentação ou alguma condição particular.

Chás para depois da ceia de Natal
De acordo com Daniela Lima, farmacêutica da Universidade de São Paulo (USP) e residente em práticas integrativas da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, em entrevista para o site UOL, existem algumas maneiras para que o chá faça efeito.

Apesar de muitos possuírem propriedades digestivas, como flavonoides e substâncias com ação específica “o ideal é esperar uma hora depois de comer para tomar a bebida, pois alguns estudos mostram que o chá pode inibir a absorção de alguns nutrientes”.

O chá de boldo do Chile é Ideal para quem exagerou na ceia natalina. A erva tem o poder de tratar infecções digestivas e outros distúrbios do sistema digestivo. Ele também trata gases e ajuda no funcionamento daquele intestino preguiçoso.

No preparo do chá você vai utilizar 200 ml de água quente e 1 colher (de sobremesa) de folhas de boldo do Chile. Misture os dois ingredientes e deixe descansar por cinco minutos. Passado esse tempo, retire as folhas e beba o chá sem adoçar.

Chá de gengibre

Xícara com chá de gengibre

O gengibre é um ingrediente natural que pode ser usado no combate de vários tipos de irritações e inflamações pelo corpo. Nesse sentido, ele também serve para combater problemas estomacais, como refluxo e azia.

Para preparar a bebida, basta colocar para ferver 400 ml de água e 1 pedaço de gengibre. Deixe a água ferver por cinco minutos, desligue o fogo e deixe descansar por 10 minutos. Retire o gengibre e ingira sem adoçar.

Chá de camomila

Xícara com chá de camomila

 

O chá de camomila possui muitas propriedades quando o assunto se refere a resolução de problema relacionados à saúde. Devido sua ação calmante, ele também tem o poder de combater os causos de incômodo no estômago e ajudar na digestão.

A infusão pode ser preparada a partir da utilização de 200 ml de água quente e 1 colher (de sopa) de camomila seca. Deixe a mistura descansar por cinco minutos, use uma peneira para remover a erva e ingira em seguida.

Chá de espinheira-santa

O chá de espinheira-santa evita azia, queimação, má digestão, gastrite e dor no estômago.
A espinheira-santa é uma planta que pode ser usada com o intuito de melhorar a digestão. Dessa forma, ela pode evitar problemas comuns como azia, queimação, má digestão, gastrite e dor no estômago.

O chá da espinheira-santa é preparado com a utilização de 200 ml de água quente e 1 colher (de sopa) de espinheira-santa. Deixe a mistura descansar por 10 minutos, logo em seguida coe e ingira sem a adição de açúcar.

Chá de menta

O chá de menta é indicado para acabar com a sensação de estufamento.

Conhecido pela sua refrescância, o chá de menta ainda carrega consigo propriedades digestivas. Dessa forma, ele é ideal para quem pegou pesado na ceia de Natal e agora está se sentido estufado.

Para preparar a bebida você vai precisar de 200 ml de água quente e 1 colher (de sopa) de folhas de menta. Junte os dois ingredientes e deixe repousar por 10 minutos. Passado esse tempo, retire as folhas de menta e ingira o chá sem adoçar.